O RISCO DE USAR CELULAR AO ANDAR NA RUA

Provavelmente você já fez isso ou já presenciou uma situação dessa


A cada dia que se passa mais e mais pessoas pegam o hábito de usar celulares, e através disso cresce também o hábito de andar mexendo neles, o que causa um risco danado. 

O que poucos sabem é que além da segurança diminuir, o campo de visão também diminuem. O hábito aparentemente inofensivo pode se tornar um inimigo da saúde ocular. Os olhos precisam trabalhar em dobro, enquanto o número de piscadas diminui, levando ao que se chama síndrome da visão de computador (CVS, sigla em inglês). Irritação, ardência e vermelhidão nos olhos, além de sonolência, dor de cabeça, mal-estar e cansaço, estão entre os sintomas do problema, comum em uma sociedade tecnológica. Piscar é necessário para renovar a lágrima, que tem duas funções básicas: proteção e lubrificação. Ela contém substâncias antibacterianas que defendem os olhos de agressão externa e age para umedecê-los, protegendo a córnea.
Letícia Birkheuer e Caio Castro 

Mas também temos os riscos de acidentes, que crescem cada dia mais. Nós pedestres, ficamos tão ligados ao Facebook, WhatsApp, citados por serem os mais utilizados no dia de hoje, que acabamos esquecendo que estamos no meio da rua, correndo perigo de causar um grave acidente, e não só nos machucar, mais também machucar, por exemplo um motorista que tenta desviar de você por estar vidrado no celular e nem percebe que tem um automóvel na sua direção. Assim como olhamos para os dois lados para atravessar uma rua, devemos também prestar mais atenção aonde ''estamos pisando''. 



 Vamos tomar cuidado galera, vamos cuidar mais da nossa saúde, celular é necessário ter, mas vamos utiliza-lo com cuidado, pois não é só a sua vida que esta em risco.








Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fotos: Google

VÍDEO EM DESTAQUE

CONTRATE NOSSOS SERVIÇOS E CONHEÇA MELHOR NOSSA EMPRESA

CONTRATE NOSSOS SERVIÇOS E CONHEÇA MELHOR NOSSA EMPRESA
Prestação de serviços