BANCÁRIOS DO RIO EM GREVE

Os bancários do Rio estavam concentrados desde o início da manhã desta terça-feira (30) na sede do sindicato e no entorno das Avenidas Presidente Vargas e Rio Branco, no Centro do Rio, para iniciar a paralisação da categoria. Segundo os bancários, os funcionários explicavam para os clientes do auto-atendimento, que formavam filas nas agências nesta manhã, sobre o movimento grevista.

As frases “Estamos em greve” e “Queremos mais emprego, salário, saúde, segurança e igualdade de oportunidade” constavam em cartazes e faixas afixados nas fachadas de alguns prédios, enfatizando o protesto da categoria.


Segundo o diretor pleno do Sindicato dos Bancários, Murilo Silva, a greve de âmbito nacional será mantida por tempo indeterminado até o surgimento de uma proposta aceitável.

A presidente em exercício do Sindicato dos Bancários, Adriana Malesso, disse que, até as 10h algumas agências ainda estavam em funcionamento, mas que o objetivo é abranger grande parte dos bancos da cidade. Ela ainda informou que, serviços realizados através da internet e dos caixas eletrônicos não serão afetados.

Categoria pede reajuste

Os trabalhadores querem reajuste salarial de 12,5% e outras reivindicações como, vale-cultura de R$ 112, combate ao assédio moral e fim das metas abusivas. Sindicatos em ao menos 19 estados, mais o Distrito Federal, decidiram pela paralisação dos trabalhos em assembleias na última quinta-feira (25).

As instituições financeiras elevaram o reajuste de 7% a 7,35% para os salários, enquanto o aumento no piso da categoria foi de 7,5% para 8%. No entanto, os novos índices foram considerados insuficientes pelos bancários em reunião realizada em São Paulo.

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fonte: G1
Foto: Google

VÍDEO EM DESTAQUE

CONTRATE NOSSOS SERVIÇOS E CONHEÇA MELHOR NOSSA EMPRESA

CONTRATE NOSSOS SERVIÇOS E CONHEÇA MELHOR NOSSA EMPRESA
Prestação de serviços